ABRACAM | Associação Brasileira de Câmbio

ISTOÉ: Damaso: inteligência artificial traz eficiência para SFN, mas deve ser implementada com zelo

O diretor de Regulação do Banco Central, Otávio Damaso, afirmou que a inteligência artificial traz um ganho enorme de eficiência para o Sistema Financeiro Nacional (SFN), mas avaliou que a adoção da tecnologia pelos bancos deve ser feita de maneira gradual e cautelosa.

“Não está no nosso pipeline a ideia de regulamentar qualquer coisa relacionada à inteligência artificial propriamente dita. Naturalmente, temos regulações sobre conduta, sobre os produtos e sobre serviços das instituições financeiras. Se os bancos usam tecnologia a, b, c, ou inteligência artificial, eles têm de olhar essas regras”, disse, em participação no programa Abracam Talks, da Associação Brasileira de Câmbio (Abracam). A entrevista foi gravada em 29 de junho e veiculada hoje.
O diretor alertou que o uso de novas tecnologias no sistema financeiro, como a inteligência artificial, deve ser feito com cuidado e zelo. “É preciso testar primeiro, conhecer os limites da tecnologia e monitorar os resultados para não incorrer em riscos não previstos”, recomendou. “Se essas tecnologias não forem calibradas e implementadas de uma forma íntegra e pensada, podem trazer prejuízos até mesmo para as próprias instituições financeiras”, completou.

Compartilhe este Conteúdo

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
ABRACAM
Olá,
Como podemos ajudá-lo?